Hey people,

Vamos falar sobre a literatura infantojuvenil?

Para você o que significa ler? Muitas vezes atribuímos o hábito da leitura ao contato com livros, texto e artigos, mas ler ultrapassa esses limites nós lemos as expressões das pessoas, lemos imagens e lemos o mundo. Em todo momento estamos lendo e interpretando o que está em nossa volta. Então surge a grande questão que é debatida entre professores e que hoje trago para que vocês reflitam.

Qual é a idade certa para introduzir a criança no mundo da literatura?

Bem a verdade é que a resposta para esta pergunta pode ser simples e complexa ao mesmo tempo. Então vamos pensar juntos?

Normalmente acabamos atribuindo o hábito de ler àqueles que já foram alfabetizados, porém isso é um engano, pois muitas pessoas não sabem que desde a barriga o bebê pode ser estimulado através da contação de histórias. Isso acontece porque lá no útero a criança já é capaz de escutar sons externos e então esses estímulos acabam contribuindo para o seu desenvolvimento. Desta forma a introdução ao mundo literário deve acontecer antes mesmo da criança nascer, devendo continuar durante toda a infância através de ambientes ricos e com contato de livros lúdicos.

Assumindo que a importância de que leitura deve ser estimulada já na primeira infância, surge então a literatura infantojuvenil, que é um ramo da literatura dedicado especialmente às crianças e jovens adolescentes. Nela, se incluem histórias fictícias, biografia, novelas, poema, obras folclóricas e culturais.

Dentro deste ramo literário brasileiro nós temos grandes nomes que com certeza você já leu ou já ouviu falar como: Ziraldo, Mauricio de Souza, Ruth Rocha, Monteiro Lobato, Ana Maria Machado, entre outros. Esses autores são os grandes responsáveis por incentivar o gosto pela leitura nos pequenos e até mesmo nos adultos (eu me incluo nessa), eles conquistam o leitor de forma lúdica para falar de coisa séria. Não poderia ser melhor né?

A literatura infantojuvenil é muito importante para a formação dos pequenos, contribui para o desenvolvimento da criatividade, trabalha questões sociais, enriquece o vocabulário e dá autonomia intelectual para a criançada. Então quando tiver tempo leia para o seu filho, irmão ou sobrinho, simplesmente leia para uma criança e ajude a construir um mundo com mais leitores, pois nos livros nós achamos informação e na informação achamos a liberdade. O mundo com que sonhamos começa a ser traçado com cada criança que nasce e se cada criança tiver em sua mão um livro poderemos viver em um mundo melhor. O que você acha sobre isso?

O autor que marcou a minha infância foi o Ziraldo. Agora me fala qual foi o autor ou a história que marcou a sua infância?  Me conta lá nos comentários, estou louca para saber.

Obs.: Nas sextas-feiras tentarei apresentar a vocês alguns livros da literatura infantojuvenil e trazer algumas discussões sobre o assunto, meu objetivo é demonstrar a importância da leitura e da contação de história para o desenvolvimento cognitivo e emocional dos pequenos. Então estarei esperando sua presença, ok?

Se você tem alguma dica de leitura mande para o meu e-mail: alana.s.cruz@hotmail.com, estarei esperando. Aproveita e passa lá no meu Instagram: @alana.s.cruz e fique de olho nas novidades.

Beijos tenham uma ótima leitura ;*

Anúncios